3 documentos que o corretor precisa ter sempre em mãos

Tempo de leitura: 3 minutos

Oi Corretor. Tudo bem por aí?

Carro de corretor de imóveis é quase que a sua imobiliária itinerante, concorda?

E mesmo assim, ainda tem dias que você esquece um documento ou outro que “te prejudica” na jornada.

Além da sua carteira de imóveis com todos os materiais de divulgação dos empreendimentos que você trabalha – as roupas, sapatos e guarda-chuva 🙂 – tem alguns documentos que não podem jamais serem esquecidos na imobiliária.

1. O Termo de Visita

Já falei sobre este documento aqui no nosso Blog e da importância dele em “Não abra mão do Termo de Visita e assegure sua comissão“.

Com ele em mãos você agiliza o processo de formalização do trabalho junto ao cliente e se previne de possíveis problemas futuros, como falei com mais detalhes no post que citei acima.

Imprima alguns deles e ande sempre com ele no seu carro, na sua pasta e, claro, digitalizado no seu e-mail. Dessa forma, não tem como você não usar o documento por não tê-lo em mãos.

2. Proposta de Compra e Venda

Esse é o documento que você mais gosta de preencher, não é mesmo?

Brincadeiras a parte, se trata de um documento importante e querer muito cuidado ao ser elaborado.

Em tempos de Pandemia, onde o ir e vir se tornou algo restrito, ter este documento pré-elaborado e de fácil acesso te ajuda e muito.

Como cada proposta é única, com características particulares de cada negociação, não dá pra você ter uma prontinha em mãos, mas, dá pra agilizar o processo com um documento “semi pronto” digitalizado no seu e-mail e, se sentir que essa proposta pode rolar, propor para o cliente ali mesmo.

Tato, sensibilidade e cuidado sempre, combinado?

Se atente para não demonstrar ansiedade em fechar o negócio, apenas o cuidado extra em otimizar tempo e com as restrições que hoje vivemos por conta da Pandemia.

3. Seu CRECI

Ah, Letycia… o CRECI? Isso é óbvio, não é mesmo?

Pois é… concordo, mas tem muito (muito mesmo!) corretor de imóveis que não anda com o seu CRECI e corre o risco de ser barrado, impedido de mostrar um imóvel em um prédio residencial, por exemplo.

Imagina o constrangimento em ser barrado ao levar um cliente para conhecer um imóvel por não ter o CRECI para apresentar na portaria?

Tem residenciais que são muito rigososos com isso e eles estão cobertos de razão, não é mesmo?

Eles zelam pela segurança e você como um profissional da área deve fazer a sua parte.

E eu sei que você se orgulha muito da sua profissão e dessa carteirinha 😉

Então, além de ter ela sempre em mãos, digitaliza e deixa no seu celular. Pode te ajudar em casos de perda etc.

Dica Extra!

Ao agendar uma visita ao imóvel com o cliente, se organize bem e com antecedência:

  • Verifique as fichas dos imóveis que irão conhecer;
  • Se tiver morador, confirme a presença deles no dia e hora marcados;
  • Organize todos os documentos necessários
  • Disponibilize máscaras descartáveis e álcool gel para todos.

Evite transtornos, perda de tempo e energia e, o mais importante, tenha essas cuidados com o seu cliente.

Isso encanta, enriquece a experiência, cativa o cliente e aumenta as suas chances de fidelização do cliente.

Tem algum documento que anda sempre com você, no seu carro ou na sua pasta?

Vamos enriquecer essa lista juntos.

Até a próxima!

3 Comments

  1. Alexandre Dias Da Rosa

    Ótimas dicas, eu sempre mantenho junto comigo também folhas impressas que geralmente deixo nas caixinhas dos correios dos condomínios com meu contato.

  2. SIDNEY JOSE DA SILVA

    otimas dicas, obrigado..

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios *