O que o corretor de imóveis deve publicar nas suas redes sociais?

Tempo de leitura: 5 minutos

No marketing imobiliário, todos os conteúdos precisam estar alinhados com o público-alvo e ainda mais com a persona, afinal, é engajamento o que todos queremos não é mesmo?

Confira nosso guia de como montar sua persona

Que atire a primeira pedra quem ainda não explorou (pelo menos um pouquinho) das redes sociais para negócios?

Pois sim, manter contato com o maior número de clientes e de forma objetiva, hoje em dia, podemos dizer ser possível apenas pela internet.

As mídias estão por todas as partes. Em síntese, através delas podemos divulgar, interagir, aproximar, impactar e vender.

No entanto, existe aí também um desafio, o que publicar nas redes sociais de forma que traga resultados (sempre positivos) naturalmente? Como alcançar seu público sem ser chato?, e melhor, como o corretor que trabalha na sua imobiliária deve se comportar nas redes?

Pois veja você que a administração de conteúdo para redes, portanto, é algo complexo na gestão imobiliária. Afinal, mesmo sem querer, a pessoa (corretor) tende a ter relação com postagens da mídia para a persona com que a qual se relaciona.

Diante de tudo até aqui exposto, vejamos então o que de fato o corretor deve publicar nas suas redes sociais. Acompanhe!

Marketing Imobiliário e as principais redes de atuação

Em síntese, imobiliárias tem muito conteúdo a oferecer, ou seja, há um universo amplo de temas que pode abordar, especialmente em blogs e sites.

Embora, possa explorar todas as mídias (Facebook, Twitter, Youtube, WhatsApp…) para cada lugar existe uma maneira de se comunicar com a persona visando engajamento.

Por exemplo, nota se que Instagram tem requerido mais empatia, sendo então necessário mais sensibilidade para envolver a persona.

Portanto, além de post tradicionais de imóveis que tem para oferecer, quem sabe gerar insights através de dicas para cuidar melhor da casa, ou explicar características de bairros próximos a empreendimentos que oferece, e até mesmo sugerir shows e eventos, terá então uma maneira de engajamento única e eficiente.

Do mesmo modo o Twitter tem se revelado um canal para tratar assuntos do cotidiano, portanto, o corretor precisa relacionar o imóvel que tem para venda a aspectos do dia a dia. Um exemplo? eventos próximos, notícias sobre o bairro, lembrança de datas importantes e twittess que motivem quem lê.

Enquanto isso, para o Facebook, além de promover conteúdos semelhantes aos citados acima, a descrição do imóvel é relevante.

Chamadas que “contam histórias” e que estejam relacionadas a fatos comuns a persona são excelentes maneiras de divulgar a imobiliária e também destacar o perfil do corretor.

Temos que mencionar ainda, o importante crescimento do LinkedIn, especialmente para profissionais do setor imobiliário que poderão, portanto, alcançar suas personas, promovendo conteúdos bem específicos.

Claro que é necessário dedicação para se destacar diante da concorrência que também não é pequena, porém, é certo que pessoas de bom poder aquisitivo está nessa rede.

Evite incomodar sua persona cometendo abusos na redes

Lembre-se sempre que mesmo sendo a atividade de venda de imóveis totalmente relevante e de interesse, deve evitar incomodar sua persona.

Análise, portanto, se seus pop-ups não serão também considerados como conteúdo intrusivo aos olhos do Google e se suas estratégias não estão se tornando inconvenientes.

Saiba que toda estratégia de vendas, seja anúncio ou solicitação de notificação, tem uma ou mais consequências.

Portanto, certamente cabe a você decidir o que postar para evitar desgaste na relação com seu público-alvo.

Não tenha preguiça e não faça conteúdo pobre

Salientamos que a baixa qualidade em imagens e do mesmo modo um monte de abreviaturas não trarão o engajamento que espera.

Da mesma maneira, jamais subestime sua persona, oferecendo algo inalcançável ou muito fora do contexto do cenário econômico atual.

Além disso, insira palavras-chave em boa quantidade e com sabedoria backlinks, sempre que necessário e possível.

O corretor de imóveis também pode promover discussões

Interação é o maior foco das redes sociais, portanto, se que ter sucesso com suas postagens reserve tempo para a relação online com sua persona.

Todas as postagens servem para vender – mesmo que isso não esteja explícito – mas, não falamos aqui de vender a força, empurra goela abaixo, mas sim de mostrar a sua persona vantagens escondidas.

Ou seja, de que forma sua persona ganhará comprando este ou aquele imóvel. Veja então que existe um trabalho árduo aqui de pesquisa naturalmente, porém, mais relevante ainda é saber como comunicar corretamente uma oferta.

Olhando este aspecto, destacamos que é muitíssimo importante a habilidade de quem vai postar o conteúdo da imobiliária. Logo, existe a necessidade de padronizar postagens, onde manter em evidência dados da empresa é certamente um diferencial.

Padrões também simplificam a tarefa de postar e criam na persona a lembrança que leva a associações importantes de marca, por exemplo.

Mas tudo isso só se consegue quando há interação. As postagens devem priorizar a vontade do leitor manter contato para saber mais e isso deve ter respaldo do corretor sempre.

No entanto, há também a possibilidade de relacionamentos com outros corretores, onde o compartilhamento de experiência pode engrandecer o conhecimento técnico do setor.

Não deve haver dissociação entre o corretor e o que posta nas redes

Redes sociais são vitrines independentemente do canal onde a imobiliária e o corretor tem perfil.

Veja portanto que existe unicidade aqui, pois, a ética sempre deve prevalecer quando o assunto é redes sociais. Em suma, a imagem (nome, perfil nas redes) do corretor, muitas vezes, é mais lembrada que a própria empresa onde ele trabalha.

Um fator que exige responsabilidade do corretor em também manter suas postagens pessoais alinhadas com sua profissão.

Portanto, o segredo para publicações em redes sociais com sucesso é manter a ideia de que o corretor deve mostrar aquilo que é no modo offline e online equilibradamente, sem máscaras ou duplicidades que possam comprometer a empresa onde trabalha, ou seja, sua imobiliária.

Afinal, na internet imagens são construídas a partir do que se compartilha, portanto, atenção e naturalmente educação devem ser prioridades para postagens na sua imobiliária.

Sendo assim, demonstramos aqui a complexidade do marketing imobiliário como falamos no início.

Pois além da necessidade de contar com instrumentos e ferramentas para postagem na rede social – as quais devem estar atreladas ao sistema de gestão imobiliária eficiente como o da (nome da empresa) – é necessário que o profissional tenha comprometimento com a tarefa.

Quais conteúdos posso postar?

O primeiro passo depois de montar sua persona é elencar que tipo de conteúdo ela consome, quais são suas objeções, seus desejos, suas dúvidas…

  • Aqui vão alguns exemplos de conteúdos:
  • Dicas sobre financiamentos
  • Como avaliar o imóvel durante a visita
  • Valorização de imóveis
  • Como chegar no valor exato de comercialização do seu imóvel

Comece juntando as principais dúvidas dos clientes que você já atendeu. Agora você precisa usar sua experiência e dar seus primeiros passos… boa sorte!

Vimos aqui o que corretores devem publicar nas suas redes sociais seja sobre assuntos relacionados a imobiliária onde é um colaborador ou como profissional autônomo.Se gostou do texto compartilhe e valide nosso blog com seu voto!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios *