Onde investir para trazer mais clientes para minha imobiliária?

Tempo de leitura: 5 minutos

Onde investir para trazer mais clientes para minha imobiliária? Nesse post vamos nos aprofundar neste assunto. Acompanhe!
Quem tem uma imobiliária sabe (ou deveriam saber): clientes não aparecem sozinhos. Apesar de parecer um pouco óbvio isso muitos não o fazem. Portanto, é necessário trabalhar incansavelmente o marketing para manter e trazer novos negócios.

Tanto corretores que trabalham em imobiliárias ou são donas de imobiliárias, quanto corretores autônomos, tem o desafio de manter uma carteira de clientes, de preferência recheada.

Porém, muitas vezes isso não é tarefa fácil. Com a grande competição no mercado parece que nem há “peixes suficientes no mar”.

Mas será verdade? Será que não existem formas interessantes para trazer leads para sua corretora?

Claro que tudo depende de investimento, mas quais são os ideais? Como proceder para não gastar dinheiro à toa? É isto que veremos a seguir.

O primeiro passo: pensar em um plano de marketing

O sucesso no setor imobiliário não acontecerá da noite para o dia e definitivamente não acontecerá sem planejamento ou implementação adequada.

Para os empreendedores, um plano de investimento pode servir como um roteiro para definir suas estratégias de marketing, por exemplo.

Logo, como um todo, ele deve abordar metas de curto e longo prazo, mesmo sendo uma imobiliária de pequeno porte ou um corretor autônomo.

Em síntese, um plano bem feito fornecerá uma visão detalhada dos próximos passos do seu negócio, servirá como um guia para sua imobiliária, portanto, auxiliando e mostrando claramente os caminhos que deverá seguir.

Alguns itens interessantes para constar são:

  • Definição do seu Público Alvo;
  • Plano de investimento e objetivos;
  • Objetivos e metas a serem alcançadas;
  • Tarefas e ações de forma cronológica;
  • Definição e criação dos materiais que serão utilizados;
  • Organização dos seus recursos;
  • Acompanhamento das sua métricas e resultados.

Imediatamente a isso, você pode começar a pensar nos canais onde fará o investimento. Sim, porque você deseja uma maior conexão com seu público, certo?

Nesse momento é essencial entender quais as possibilidades disponíveis e a relação delas com sua estratégia, no aspecto financeiro e de audiência.

Lembre-se de que cada imobiliária possui estratégias diferentes, assim como uma possibilidade de investimento diferente.

Ou seja, cada negócio tem suas particularidades. Mas, de modo geral, os caminhos que mencionaremos a seguir serão interessantes tanto para você imobiliária ou corretor autônomo.

Como fazer do jeito certo

Pense na divulgação sempre para o público ideal

Você conhece o seu público, ou não?

Pois, seu esforço em marketing deve ser sempre direcionado para ele.

Do contrário, custos do uso de mecanismos de pesquisa, e-mail marketing e outros meios, tornam-se superiores (e muito) em relação ao o retorno real que você obtém com esses investimentos.

E isso faz sentido, certo? Pense em quantas mensagens você recebe diretamente na caixa de Spam.

Se alguém deseja comprar ou vender uma casa, primeiro acessa suas redes pessoais, não o lixo eletrônico.

Ter uma boa referência também é importante. Por isso, opinião de clientes sobre sua empresa, pode ser um diferencial.

Pesquisas apontam que 88% dos clientes levam em conta tanto avaliações on-line quanto, por exemplo, recomendações de parentes e amigos.

Então reforce sua influência on-line para fechar mais negócios! O “como” veremos a seguir.

Use diversos canais – cada um com um toque especial

Ao segmentar seu público alvo, estabelecer uma comunicação para que conheçam o que você faz é essencial.

Desta forma, seu público irá se envolver mais com sua imobiliária, seja recebendo um e-mail, lendo o que você publica nas mídias sociais ou entrando no seu site.

Com o marketing por e-mail, por exemplo, você deve se lembrar que, quando feito corretamente, é muito diferente de uma “explosão” de e-mail.

Portanto, uma boa ideia de abordagem é:

  • Envie ao seu público conteúdo de interesse deles, não somente anúncio de imóveis;
  • Envie apenas para pessoas que são seus clientes anteriores ou possíveis clientes atuais (jamais utilize uma lista “comprada”);
  • A frequência ideal deve ser baseada no seu conteúdo, pode ser diário, caso você tenha conteúdo de interesse para isso. Se diário fosse ruim, porque existe jornais diários? basta ter conteúdo suficiente de qualidade para entregar a sua audiência.

Lembre-se que vender imóveis é um negócio de confiança. Eles precisam sentir que contam e confiam em você para dar este passo. Estar presente e aparecer para o cliente é o primeiro passo para montar esse vínculo.

O trabalho da imobiliária nas redes é fundamental

Como já deve saber, todo corretor deve saber usar as mídias sociais em seus negócios.

No entanto, o que muitos não conseguem entender é que, acima de tudo, redes também são uma maneira social de se comunicar com pessoas on-line, e não somente uma maneira direta de colher leads.

Portanto, use as mídias sociais para apresentar seus negócios com humanidade e acessibilidade e não apenas com a intenção de vender.

Enfim, não deseje que suas páginas pareçam apenas um fluxo contínuo de autopromoção.

Lembre-se então, que ser humano significa compartilhar, se envolver com um propósito e ser capaz de se comunicar em um nível individual, pessoas se relacionam com pessoas, não com empresas.

Assim, uma presença ativa no Facebook, Instagram, Twitter..

E mais onde seus clientes estiverem, é essencial:

  • Compartilhando conteúdo útil e interessante que nem sempre é sobre compra e venda de casas;
  • Abrindo seu negócio e mostrando o seu lado humano, através de publicações de fotos, vídeos e conversas;
  • Envolvendo-se. Entre em contato com as pessoas on-line e converse com elas. Deixe o trabalho passivo para o seu site.

Portais imobiliários

Os Portais acabam sendo o canal mais conhecido e utilizado, isso não quer dizer que é o melhor.

De certa forma, a facilidade na utilização e sua popularidade torna-os mais “aceitáveis”. Mas assim como os outros canais é preciso você avaliar se esse é de fato o canal com melhor retorno ou com retorno esperado.

Já tive a oportunidade de falar com clientes que tinham alto desempenho nos portais e outros que não recebiam 1 contato há mais de 30 dias, pode acreditar.

Resumindo…

Recomendamos que você esteja presente nas redes sociais, faça campanhas pagas, sites e portais, mas o mais importante de tudo isso é medir, acompanhar os resultados.

Não importa se você vai gastar R$ 100 ou R$ 10.000 por mês, gastar em vão R$ 100 é “mais caro” que gastar R$ 10.000 trazendo vendas e clientes.. Qual seu ROI (Retorno do investimento)?

Criar seu planejamento de marketing, sua estratégia é imprescindível, vai te trazer clareza e definição de fato do que fazer.

Meu recado para você ao final desta matéria é:

Feito é melhor que perfeito

Desafio você a começar a fazer, pois para chegar “lá”, é preciso dar o primeiro passo.

Um abraço e até a próxima

4 Comments

  1. manoel torres

    boa tarde , otima definiçao.

  2. PAULO ROBERTO CICOLANI

    Excelente!!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios *