Os 4 principais erros que as imobiliárias cometem ao fazer marketing imobiliário

Veja os principais e mais comuns erros que muitos corretores de imóveis e imobiliárias cometem ao implantar o marketing imobiliário em seus negócios.


Muitos corretores de imóveis e donos de imobiliárias estão investindo em marketing imobiliário para os seus negócios. A iniciativa é muito positiva e vista com bons olhos pelo mercado, até que os resultados não saiam como o esperado.

Existe uma série de ações de marketing imobiliário que podem e devem ser praticadas pela sua imobiliária, mas, eles devem ser feitas corretamente ou, fatalmente, não atingirão as suas expectativas.

Em meio as ações bem-sucedidas de marketing imobiliário há práticas que anulam todo o trabalho. São erros comuns que, por inexperiência e falta de conhecimento, muitos corretores de imóveis e imobiliárias cometem ao implantar o marketing imobiliário em seus negócios.

Neste post, listei os 4 principais erros cometidos pelo mercado ao fazer marketing imobiliário.

Leia com atenção e identifique algo que pode estar comprometendo seus resultados de marketing imobiliário.

 

1.Facebook do corretor de imóveis

Não é difícil encontrar erros no Facebook do corretor de imóveis e de imobiliárias que impactam negativamente nos seus resultados de marketing imobiliário.

A falta de periodicidade de publicações é apenas uma delas.

Hoje em dia, o Facebook é também um site de buscas, de pesquisas. As pessoas procuram por produtos e serviços no Facebook, inclusive, por imóveis.

Se em uma pesquisa por casa ou apartamentos o cliente encontrar a sua Fan Page com post de 2, 3 meses atrás, o desinteresse é imediato.

E, como dizem por aí: nem tanto para o mar, nem tanto para a terra:

Tenha bom senso com o conteúdo. 

Neste sentido, outro ponto negativo é o excesso de publicações com anúncios de imóveis. Aí você me questiona?

Criei este canal para me relacionar com o meu público, anunciar meus imóveis à venda e para locação e você me pede para anunciar menos? A resposta para esta dúvida está na própria pergunta.

O Facebook do corretor de imóveis e de imobiliárias é um CANAL DE RELACIONAMENTO com o seu público e não uma página online de classificados.

É um grande equívoco postar somente ou em excesso os imóveis da sua carteira. Isso torna a sua Timeline desinteressante para o cliente.

 

Mescle o conteúdo da sua página no Facebook com:

 

Notícias dos bairros em que você atua – eventos, infraestrutura do bairro e região, abertura de novos estabelecimentos que valorizem ainda mais o bairro, fotos antigas etc;

Notícias do mercado imobiliário em geral – novidades da Caixa Econômica Federal e sobre financiamento bancário em geral, perspectivas de crescimento do mercado etc;

Decoração – inspirações para cômodos pequenos ou grandes, quintal, as vantagens de morar em determinados modelos de imóveis etc;

Datas Comemorativas – tenha um calendário das datas comemorativas nacionalmente e também da sua cidade e região. Faça homenagem a datas importantes, usando artes com a sua logomarca.

Outro erro bastante comum é confundir a Fan Page da sua imobiliária com o seu perfil pessoal. Deixe as fotos do seu happy hour, do gatinho ou cachorrinho fofinho dando bom dia para o seu perfil pessoal.

Posts sobre política, esportes e regilião também. A sua Fan Page não deve ter este tipo de conteúdo. Lembre-se que você é uma empresa isenta sobre estes temas do cotidiano.

Evite polêmicas e até mesmo uma crise de imagem nas redes sociais.

 

Grupos de Corretores de Imóveis no Facebook

Estes grupos podem, eventualmente, te ajudar a fazer contatos para um fifty ou outras negociações, mas, de uma forma geral, para anunciar seus imóveis NÃO.

Não compartilhe seus imóveis à venda em grupos de profissionais da área da sua região. Os grupos nacionais também não têm efeito neste sentido. Não gaste energia com estas práticas.

 

2.Email-marketing imobiliário

Já falamos algumas vezes por aqui o quão potente é o e-mail marketing imobiliário como ferramenta de vendas. Também já falamos algumas vezes que para que ele seja realmente eficiente é preciso ser feito da forma correta.

O erro mais comum no e-mail marketing imobiliário é não segmentar a base de e-mails. Definitivamente, criar e-mail marketing imobiliário requer dedicação, sobretudo, na segmentação do público que irá receber cada material.

Criar um e-mail marketing imobiliário com conteúdo geral e pra toda base, impacta negativamente nos seus resultados. Desde as taxas de abertura e rejeição, até os retornos.

 

  • Use o Funil de Vendas para criar e segmentar seu e-mail marketing imobiliário

O Funil de Vendas permite que você acompanhe efetivamente o estágio que seu cliente está na jornada de compra. Um dado fundamental para criação de conteúdo e segmentação do seu e-mail marketing imobiliário.

Para cada fase do cliente, um conteúdo pensado e criado especialmente para ele. Assertividade é um diferencial e tanto durante as negociações.

 

3.Criar um Blog Imobiliário

Todo mundo tem um Blog, mas, como dizem as mamães por aí: você não é todo mundo!

Brincadeiras à parte, um blog imobiliário é mais um canal de comunicação com seu público algo que requer dedicação de tempo e energia de trabalho.

Eles, geralmente, fazem parte de uma estratégia de marketing de conteúdo e inbound marketing que, para serem eficientes, exigem uma demanda de trabalho grande.

Manter a periodicidade de postagens, de criação de conteúdo exclusivo e interessante, usando estratégias de copywriting e SEO para contribuir com o seu posicionamento nos sites de buscas – Google, interatividade/retorno ao leitor… estes são algumas das demandas de um Blog Imobiliário.

Antes de criar um Blog Imobiliário, atentem-se para estas questões e verifique com cuidado se você tem tempo ou equipe de apoio para mantê-los.

Pior do que não ter um Blog, é ter um Blog Imobiliário mal feito.

 

4.Não mensurar resultados de ações de marketing imobiliário

Uma meta sem planejamento é só um desejo. Um planejamento sem mensuração de resultados é nada!

Toda ação de marketing requer investimentos financeiros, de tempo e energia de trabalho. E estes investimentos devem ter seus retornos analisados. Só assim você será cada vez mais assertivo nas suas práticas.

É fundamental saber o que deu certo e que não deve ser mais praticado com ação de marketing imobiliário nos seus negócios.

 

Isso inclui os Portais Imobiliários.

Saber qual portal imobiliário te traz mais contatos é importante para sua estratégia e uso correto de investimentos.

Quando você não mensura estes retornos, de onde vem e quanto vem, você pode estar cometendo um erro bastante comum de investir mais em quem te traz menos retorno.

Por puro achismo.

Nem sempre 300 mil likes no Facebook representa o sucesso de uma publicação. No mercado imobiliário, mais vale 5 leads qualificados do que 300 mil likes em um anúncio. Fica a dica!

Acompanhe seus resultados no Facebook, nos Portais Imobiliários e em todas as demais ações de marketing imobiliário que você realizar.

E nunca se esqueça: hoje em dia, o cliente recebe uma avalanche de conteúdo pelos mais diversos canais de comunicação. O grande desafio está em ser interessante para ele, entregando a ele o que ele procura.

Para isso, é preciso conhece-lo a fundo e, ao conduzi-lo dentro do funil de vendas, ter as iniciativas corretas.

Ser assertivo é estar no lugar certo, na hora certa.

Casos de sucesso

Letycia Queiroz

Marketing de Conteúdo em Microsistec
Jornalista heavy user de internet, é viciada em pizza, apaixonada por chocolate e por todos os cachorros do mundo.
É filha de Corretora de Imóveis e tem a sua mãe como persona (e inspiração!) principal para os seus textos.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios *