Venda de Imóveis Alto Padrão cresce: como fazer parte dessa fatia do mercado

Tempo de leitura: 4 minutos

A venda de imóveis alto padrão deu um salto nos últimos meses e tudo indica que um dos motivos para isso é a Pandemia.

O outro é baixa rentabilidade de algumas aplicações de renda fixa.

Com a taxa Selic ladeira abaixo, as aplicações de renda fixa deixaram de ser atrativas, algo que nunca acontece com investimentos em imóveis, não é mesmo?

Imóvel só valoriza! A máxima faz cada dia mais sentido seja qual for o público.

Recentemente, a revista Veja publicou uma matéria que fala sobre o “Boom dos Alto Padrão”.

Ela conta que regime Home Office por tempo indeterminado impactou na rotina de muitos executivos, o público do imóvel alto padrão, trazendo consigo a necessidade de um novo endereço para morar.

Um outro dado da imobiliária Lopes mostra que a venda de casas de campo, por exemplo, cresceu 63%.

A propósito, a imobiliária realizou a sua maior venda neste período de Pandemia, uma mansão em Jericoacoara, no Ceará, no valor de R$14 milhões de reais.  

Para você ter uma ideia do quão seleto é a fatia de mercado em questão, estamos falando de imóveis como este acima ou como o que a Coelho Fonseca vendeu recentemente.

Um apartamento de 900 metros quadrados no bairro dos Jardins, em São Paulo, no valor de R$ 31,5 milhões de reais.

Eu sei que você parou pra calcular o valor da comissão desse felizardo Private Broker, nome dado ao corretor de imóveis especialista em imóveis para clientes VIPs.

Brincadeiras à parte, a mudança no estilo de vida das pessoas por conta da Pandemia foi muito positiva para o mercado imobiliário como um todo.

Muitos corretores de imóveis e imobiliárias identificaram isso e estão surfando na crista da onda!

Um outro ponto bacana dos imóveis de alto padrão é que eles independem do cenário econômico nacional ou mundial para acontecer.

É como se este púbico vivesse uma realidade financeira econômica só deles. O que de fato é!

Está aí um nicho de mercado bom para ser mais bem explorado, não é mesmo?

Mas, não adianta se impressionar com os valores de comissão. Eles são sim o maior atrativo aqui, mas, em paralelo, exigem infinitamente mais e maior qualificação do profissional.

E é sobre isso que o post de hoje quer conversar: como vender imóveis alto padrão.

Listei aqui alguns pontos importantes sobre este nicho e que merecem ser tratados como relevantes na hora de montar a sua estratégia para “abocanhar” essa fatia do mercado.

Seletos – a venda de imóveis alto padrão é para poucos e bons.

Sem melindres, compreenda uma coisa: não é todo mundo que tem habilidade para atender um cliente alto padrão. E isso não é um defeito, é perfil.

Você pode e deve, caso queira, aprimorar seus conhecimentos para atender essa fatia do mercado, mas o tato, sensibilidade no trato com clientes desse perfil são mais aptidões do que habilidades desenvolvidas.

Tem quem jamais queira negociar com esse púbico tamanha suas peculiaridades e exigências para um atendimento de qualidade. Como eu disse inicialmente: é perfil!  

Morosa – a venda de imóveis alto padrão costumam levar um tempo para acontecer.

Pensa comigo: ninguém investe milhões em algo como pede uma pizza no delivery. Até a pizza você demora pra escolher o saber, confessa!

Trata-se de um investimento alto e que na maioria das vezes não tem uma urgência para acontecer.

Tempo é o maior entrave aqui. É preciso entender a rotina atarefada deste cliente que vai analisar tudo com calma, vai precisar de mais tempo para encontrar uma brecha na sua agenda para ver e rever o imóvel, atender os seus contatos etc.

Indicações X Marketing – a estratégia de marketing para venda de imóveis alto padrão é outra

Fazer marketing imobiliário aqui é diferente também. Dificilmente, os grandes executivos estão buscando um novo endereço ou investimento no Instagram ou no Facebook.

Na teoria e bem grosso modo, eles não têm tempo pra isso!

A vendas nos padrões dos imóveis citados lá no começo do post como o da Lopes e Coelho Fonseca acontecem por indicação de um amigo ou parente que já conhece o trabalho deste corretor e imobiliária e tem o contato de algum deles.

Você deve estar se questionando: – então, como vou entrar nesse mercado?

Sempre tem uma primeira vez, não é mesmo? Estudo bem o público e a sua estratégia de marketing para atingir essa nova persona do seu negócio.

Uma dica extra é o LinkedIn, uma rede social, relativamente, pouca utilizada pelas imobiliárias e com grande potencial para a venda de imóveis alto padrão.

Acho até que este pode ser o assunto do nosso próximo bate papo por aqui, o que acha? Comenta se você quer saber mais sobre LinkedIn para imobiliárias e corretores de imóveis.

No mais, me diz: se animou com as comissões dos sonhos? Já teve uma ou mais com a venda de um alto padrão?  

One Comment

  1. ANTÔNIO ZERBINATTI

    Muito bom!
    Estou gostando, avante!
    Abraço!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios *